Mato Grosso do Sul discute Programa Descarte Consciente Abrafiltros, de reciclagem de filtros do óleo lubrificante automotivo

29/5/2017

Secretaria do Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar e o Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul – IMASUL, promoveram reunião na FIEMS com a Abrafiltros, para conhecerem as ações do programa que já está implantado em três estados: São Paulo, Paraná e Espírito do Santo.

 

A Secretaria do Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul – (Semagro) e o Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul – IMASUL pretendem inserir, no Estado, a logística reversa dos filtros usados do óleo lubrificante automotivo por meio do Programa Descarte Consciente Abrafiltros, promovido pela Abrafiltros – Associação Brasileira das Empresas de Filtros e seus Sistemas – Automotivos e Industriais, entidade nacional representativa do setor.  


Reunião logistica reversa Abrafiltros SEMAGRO IMASUL FIEMS Mato Grosso do Sul 2017_

Da esq. p/ dir: Dito Mário, diretor executivo da Reflore; Mauri Valentim Ricciotti, procurador de Justiça do Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul; Ricardo Éboli, diretor presidente do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul – IMASUL; Jaime Verruck, secretário do Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar – SEMAGRO; Sérgio Marcolino Longen, presidente da FIEMS; Filipe Andrade Pereira de Lima, gerente geral da ECOSUPPLY; David Siqueira de Andrade, diretor-presidente do Grupo Supply Service; João Moura, presidente da Abrafiltros, e Marco Antônio Simon, gestor de projetos da Abrafiltros.

 

A proposta foi discutida durante reunião realizada na Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul – FIEMS, que contou com a presença de Jaime Verruck, secretário do Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar – SEMAGRO; Ricardo Éboli, diretor presidente do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul – IMASUL; presidente da Abrafiltros, João Moura, e o gestor de projetos da entidade, Marco Antônio Simon;  Sérgio Marcolino Longen, presidente da FIEMS; David Siqueira de Andrade, diretor-presidente do Grupo Supply Service; Mauri Valentim Ricciotti, procurador de Justiça do Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul; Dito Mário, diretor executivo da Reflore; e Filipe Andrade Pereira de Lima, gerente geral da ECOSUPPLY.

 

Durante o encontro, a Abrafiltros apresentou os detalhes do programa e esclareceu sobre a necessidade de elaboração de Edital de Chamamento específico ou alteração da Resolução Semade nº 33/2016, pois não relaciona os filtros do óleo lubrificante automotivo entre os produtos alvo de implantação do sistema. Por isso, é  necessário a publicação de Edital de Chamamento ou Resolução específica, condição essencial prevista em lei para que o setor possa se mobilizar para a elaboração do projeto a ser aprovado pelo governo.

 

Jaime Verruck e Ricardo Éboli informaram que será realizada a modificação na Resolução Semade, que deverá também especificar os prazos para apresentação do projeto de implantação. O programa deverá ser implantado em caráter piloto, com metas gradativas de reciclagem e abrangência geográfica, devido aos custos envolvidos e necessidade de avaliação das questões logísticas e operacionais. Isso porque todas as despesas geradas pelo programa são totalmente pagas pelas empresas participantes e não há retorno para a cadeia produtiva de filtros do óleo lubrificante automotivo.

 

O programa Descarte Consciente Abrafiltros, que atualmente está implantado nos Estados de São Paulo, Paraná e Espírito Santo, já reciclou cerca de 8 milhões de filtros desde julho de  2012. Para 2017, a previsão é que sejam coletados 1.009.350 kg de filtros usados de óleo lubrificante automotivo em 123 municípios dos três estados, equivalente à reciclagem de 2.588.077 filtros usados do óleo lubrificante automotivo.

 

“O programa de logística reversa de filtros usados de óleo lubrificante da entidade é não só essencial para o meio ambiente, mas também necessário para cumprir à legislação. Por isso, é importante que toda que toda a cadeia se envolva – fabricantes, importadores, distribuidores, comerciantes e consumidores – com a logística reversa, pois cada um deve fazer a sua parte devido aos custos elevados para as empresas participantes. Assim, com apoio do governo e maior adesão de empresas, conseguiremos reduzir custos e ampliar os resultados, considerando ainda as questões logísticas e estruturais de cada região”, afirma João Moura, presidente da entidade.

 

Participam do programa 15 empresas: Cummins Filtration do Brasil; Donaldson do Brasil Equipamentos Industriais Ltda.; General Motors do Brasil Ltda.; Hengst Indústria de Filtros Ltda.; Rheinmetall Automotive – Divisão Motorservice Brazil; Magneti Marelli Cofap Fabricadora de Peças Ltda.; Mahle Metal Leve S.A.; Mann+Hummel do Brasil Ltda./ Filtros Wix; Parker Hannifin Indústria e Comércio Ltda. – Divisão Filtros; Poli Filtro Indústria e Comércio de Peças para Autos Ltda.; Robert Bosch Ltda.; Scania Latin America Ltda; Sofape Fabricante de Filtros Ltda./Tecfil; Sogefi Filtration do Brasil Ltda./Filtros Fram; e Wega Motors Ltda.

Sobre a Abrafiltros:

Criada em 2006, a Abrafiltros – Associação Brasileira das Empresas de Filtros e seus Sistemas – Automotivos e Industriais – reúne os principais fabricantes de filtros automotivos e industriais do País. A entidade nasceu da necessidade do segmento ser representado e promove ações visando o desenvolvimento e fortalecimento do setor.


Fonte: Verso Assessoria de Imprensa

Assessoria de imprensa



Telefone: (11) 4102-2000
Contato: Majô Gonçalves e Solange Suzigan
E-mail: versocomunicacao@uol.com.br
www.versoassessoriadeimprensa.com.br

ASSOCIADOS

Conheça nossos associados